Das coisas doces desta vida

13 de janeiro de 2010

Acordar a minha filha, de manhã, é uma delas.
Aquela pele macia, quentinha, contra a minha bochecha. As perninhas que se enrroscam em modo automático nas minhas. O braço dela por cima do meu pescoço. O cabelo desalinhado, a respiração tranquila, os olhos fechados, a voz meiga - só mais um bocadinho, mãe...

6 comentários:

  1. Que ternura, que carinho, que voçês partilham.

    Que bom, são momentos eternos para guardar na alma e no coração.

    Beijos dos Açores
    *********

    ResponderEliminar
  2. Isso é uma coisa muito de menina, nao achas?

    ResponderEliminar

Obrigada pela vossa visita!

Proudly designed by | MLEKOSHI PLAYGROUND |