Terminei o "Mataram a Cotovia"

28 de agosto de 2015

Mataram a CotoviaMataram a Cotovia by Harper Lee
My rating: 5 of 5 stars

Esperava um pouco mais do final mas gostei muito de ler este livro. Relembra-nos que as crianças percebem mais as coisas do que pensamos, que ninguém nasce a odiar e que nem sempre conseguimos mudar mentalidades numa única geração. Gosto de pensar que faço a minha parte e que deixo esse legado aos meus filhos. Como fez o Atticus.

View all my reviews

Filmes que vi nos últimos 2 meses

27 de agosto de 2015




Tentei ver quase todos os da Jane Austen. Há vários remakes, mas escolhi estes.
A serie da BBC da "Jane Eyre" é, para mim, o casting mais feliz dentre os vários filmes que existem sobre o livro.
Vi estes dois baseados em romances do Nicholas Sparks e gostei bastante. Juro sempre que não vejo mais nenhum porque fico sempre lavada em lágrimas mas lá caí na esparrela novamente.
O "Far from the Madding Crowd" tem cenários maravilhosos, uma edição de imagem muito boa, óptima fotografia (na minha opinião) e a história gira em torno da Batseba, uma mulher independente para a época (embora me tenha irritado um bocado, com tantos erros e escolhas mal feitas para evitar o final óbvio desde o início). Só vos digo, Matthias Schoenaerts. Giro que dói e bom ator.
Os preferidos foram mesmo o "The Water Diviner" e o "My Old Lady".
Recomendo muito ambos.
E fiquei tão viciada no Mathias que os próximos a ver são o "A Litlle Chaos" e o "Rust and Bone".

Curtas

25 de agosto de 2015

- Mãe, tu sabes mesmo o que é que eu queria nos meus anos?
- Não.
- Uma família! (olhos de carneiro mal morto, mãos cruzadas no peito, estilo romântico-dramático)
Logo depois muda completamente de tom e diz:
- Estava a brincar, eu queria mesmo era brinquedos.

Praia ao fim da tarde num dia fresco

25 de agosto de 2015



Eu a ler o meu livro, os rapazes a jogarem à bola e ela a molhar os pés sob um céu que parecia fechar-se pouco a pouco sobre as nossas cabeças.
Na verdade, umas horas depois, quando já estávamos em casa choveu como num dia de Inverno.

Já a pensar nas próximas leituras

24 de agosto de 2015

Enquanto aguardo que o segundo volume da trilogia de "Summerset Abbey" fique disponível, e mesmo estando a mais de meio do "Mataram a Cotovia" (que, quer-me parecer, vai ser um dos top ten nos livros da minha vida), já tenho os próximos a caminho das mãos:


Tinha pouco mais de 16€ de saldo em cartão na Wook e vieram dois ao preço de um. Não é fixe? Tinha de aproveitar. 
Quer-me é parecer que, daqui a não muito tempo, tenho de começar a pensar arranjar umas prateleiras catitas para o meu quarto porque vou deixar de ter onde arrumar livros na sala.
E vocês, o que andam a ler?

Assim vão os dias...

22 de agosto de 2015



O dia de hoje amanheceu a fazer lembrar o Outono. O pai acordou com desejos de sardinhas e ficou esmorecido com o céu nublado, porque diz que sardinhas rimam com sol. O tempo lá abriu perto da hora de ele acender o lume. 
O meu pudim estava óptimo, como sempre. É daquelas sobremesas que sai sempre bem, seja qual a fruta que usemos para acompanhar e enfeitar. E enche o olho, que também é importante.
As crianças estão a brincar desde ontem (DESDE ONTEM!) sem se chatearem muito, com os playmobils, legos e pequenos póneis. Uma grande misturada mas que parece estar a resultar em harmonia entre os dois.
Eu gozo estes derradeiros momentos de infância e brincadeiras a dois que ainda vão havendo com o embevecimento com que se contemplam raridades.
(e ontem apetecia-me mesmo comer "porcarias", por isso comi um hamburguer e batatas fritas com tudo a que tinha direito. sim, que quem não come carne também tem direito a fast-food de vez em quando. no meat, mas estava delicioso)
Já estou a ler o "Mataram a Cotovia", da Harper Lee e estou completamente addicted. Vou no capítulo 11 (de um total de 31). Se ainda não leram, força! Recomendo!
E é isto. Aguardo o início da azáfama que o início do ano lectivo sempre traz (este ano eles não querem nem ouvir falar em escola, acho que não se importavam de continuar em férias por tempo indeterminado).
Eu começo a desejar o Outono muito em breve. Só não começo já a desejar uma chuvinha por respeito a quem ainda está em modo piscina/praia/férias. ☺
Aliás, espanta-me que os média não falem mais nisto mas a seca que o país está a atravessar é deveras preocupante. Por isso, ma friends, toca todos a desejar um Outono e Inverno profícuo em chuvinha, senão qualquer dia acaba-se a vida como a conhecemos. 

Just girls

18 de agosto de 2015


Para fechar o último dia de férias com chave de ouro o pai levou o rapaz à bola e nós, as miúdas, fomos ao cinema ver o Inside Out.
A Diana já andava a pedir há muito tempo para ir ver e eu até já temia que o filme não estivesse em exibição. Mas estava...para alegria dela.
Comprei-lhe uma mochila e estojo novos, para este ano (a do ano passado ficou com os fechos estragados) e um diário (mãe, compra lá, que o outro já não tem folhas!).
Amanhã o "galo" vai cantar às 6:30 para a alvorada e eu não quero nem pensar...
O que vale em Dezembro há mais.

Poço da Broca

16 de agosto de 2015


E é disto que o nosso Portugal é feito.
Locais paradisíacos de encher o olho, que muitos de nós desconhecem.
Foi um dia muito bem passado, este.
Restam-nos mais dois dias de descanso em que teremos saudades dos momentos vividos, mas certos de que neles recarregamos baterias para mais uns meses de rotina (até ao Natal).

Foz da Égua

16 de agosto de 2015




Um sítio mágico.
Já lá tínhamos passado, mas nunca parámos para mergulhar ou conhecer o local.
Uma maravilha!

Piodão

16 de agosto de 2015







Nunca me canso de ir ao Piodão.
É uma pintura viva, seja qual for o ângulo a partir do qual a contemplamos.
Sonho sempre em ter uma casinha de pedra, com janelas e portas azuis. 
Ouve-se a água fresca e limpa a cair por entre as ruelas que sobem e descem pela encosta da montanha. 
Proudly designed by | MLEKOSHI PLAYGROUND |